sábado, 5 de novembro de 2011

Sofrido mas bem feito.

Sábado 5 de novembro.
Mais um vez eu abria as porteiras do rancho pra receber o pessoal da banda Alcaphones. Agora vinham até o rancho o Pilão, vulgo Wagner de Negri, e o Luiz Otávio Melo. Missão? Começar a captação das trilhas de guitarra do álbum debut do povo. Deixa eu dar uma explicada. Como sempre faço, durante as pré-produções, temos uma sessão dedicada para analisar as sonoridades das trilhas de guitarra, música a música, chamo esta etapa de texturização, de forma que sabíamos cada amplificador, cada caixa, cada guitarra e cada efeito que queríamos usar em cada trilha. E eram bastante coisas diferentes. No sábado, a função toda começou lá pelas 18 horas. Optei pela sala Maragato e usamos o Mesa Boogie Single Rectifier do Pilão para estas primeiras trilhas. A coisa parecia tranquila... Mas confesso. Não foi. Eu explico. Durante as pré-produções, definimos um som. Ele usava o mesmo Mesa porém com os falantes G12T-75 da Celestion. Hoje tínhamos pela frente os falantes Celestion Vintage 30 em uma caixa que soava demasiadamente mais dark e fechada do que a de referencia, de forma que chegar no som que eu procurava resultou em uma longa jornada e os guris sofreram tocando infinitamente a mesma coisa enquanto eu regulava. Como eu disse, levou um bocado de horas. Eu ia e vinha ajustando o posicionamento tanto da caixa quando dos microfones, acertando equalização, mudando compressão, mudando pré-amplificador, etc. Demorou mas consegui! Resumindo. Para cada tarefa uma ferramenta diferente e os falantes Vintage 30 são maravilhosos para várias delas, porém se eu tivesse que levar apenas um falante para uma ilha deserta, seria um G12T. Para a sessão usei meu combo clássico e em alguns trechos o Fulltone Fulldrive 2 Mosfet, as cápsulas foram o Cascade Gomez enviando ao audioFARM Electronics A312, então ao Manley Massive Passive e então ao Universal Audio 1176. E um Shure SM57, sem transformador, enviando ao Universal Audio LA610 e então ao Manley Massive Passive. Os guris mesmo cansados, mas nunca frustrados, aguentaram firme e fomos até acertar o som e captar algumas das trilhas, mas infelizmente, pela primeira vez no blog, a missão pré definida não cumprida como queríamos. Precisaremos de algumas sessões extra por conta do atraso. Mas o que fizemos, fizemos bonito e os guris mataram a pau!

Forte abraço!
Bring me sound and I'll make you music!







0 comentários: