quinta-feira, 23 de junho de 2011

Enfim. Versão Baltimore.

Enfim, era hora do último encontro com a banda Baltimore... Na mesma quinta feira dia 23 de junho, à noitinha, e eu abria as porteiras do rancho para receber o povo. Missão? Gravar as vozes para o EP do pessoal e os últimos overdubs de guitarra do pessoal. Para tanto vinha ao rancho toda a trupe e o Ray Z. Começamos direto com o Slashinho, vulgo Marcelo Allende, e sua Epiphone Custom Signature Slash. Armei a caixa Marshall JCM900A ao centro da sala Chimango, preparamos o amplificador de guitarra Mesa Boogie Dual Rectifier Road King e pronto. Ávido por pôr em atividade os brinquedos novos, não tive dúvidas, pequei o Cascade Gomez enviei o sinal ao audioFARM Electronics A312 e em seguida ao Manley Massive Passive para então mandar ao Universal Audio 1176. Lindo! O Massive é simplesmente mágico! Depois peguei meu Shure SM57 sem transformador, posicionei-o e enviei seu sinal ao Universal Audio LA610 e então ao Massive Passive. Novamente, nossa! Ficou lindo. Daí foi vez do Slashinho sentar a palheta e rapidão dar cabo desta etapa. Hora das vozes. Se já estávamos abismados com o Massive daí sim foi a redenção. Ainda na sala Chimango preparei o Manley Reference Cardioid para que o Ijuí, vulgo Gabriel Costa, fosse lá e chamasse na goela. Enviei o sinal ao Neve Amek Purepath Channel in a Box, realizei a estabilização do sinal no 1º estágio de compressão e então mandei ao Massive... Credo, parecia pronto! Enviei então ao UA 1176 para um segundo estágio de compressão e voilá! O Ijuí aniquilou a pênis e logo já tínhamos todo o material necessário. Foi daí que ocorreu algo que tem acontecido poucas vezes por aqui. Hora do Slashinho registrar uns backing tracks... E o Reference Cardioid se mostra não ser o microfone para ele. Foi então que o Shure KSM44 se mostrou um casamento mais adequado para sua voz. E daí sim, pouco tempo depois podíamos dizer... Missão cumprida e eu, muito feliz com o resultado e o brinquedo novo! Que venham as mixes!

Forte abraço!
Life's too short for bad tones!










0 comentários: