quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Gravando percussões pro Rudy.

Esse gordo gago, e safado, não fez o post que deveria ter feito e por isso vou fazer antes que se esqueça já que, embora eu não estivesse presente, eu sei como foi feita a parte técnica da coisa.
Então... Na quarta-feira passada, lá pelas 9 horas chegavam aqui no rancho o Sasandro, o Rudy Kestering, o Cláudio Baraldo e o Marcelo Pimentel. Missão? Gravar todas as percussões do disco do moço. Era bastante material mas o pessoal não "se mixou". O Pimentel veio lá de Passo Fundo armado até os dentes com um arsenal coisa mais linda de ver! Era percussão pra todo lado, de forma que o pessoal se lavou com a variedade e possibilidades timbrais pros arranjos. De acordo com o Sandro, a grande maioria dos temas recebeu uma camada de cajón, esse captado com um Sennheiser MD421II no bocal atrás do instrumento e com o Manley Reference Cardioid ouvindo pela frente, mandando os sinais respectivamente para o Avalon VT737sp e para o Neve Amek Purepath CIB. Além do cajón ainda foi registrado trilhas com bongôs, derbak e obviamente bombo-leguero, todos captados com o incansável Manley, e diversos efeitos tais como, meia-lua, afoxê, carrilhão, blocks, guizos diversos, pratos, guiro, caxixi e ganzá. Para finalizar o Sandro ainda lembra que foi bem interessante gravar um par do congas sem corpo da LP, que ele captou com um par de Sennheiser MD421II mandando o sinal para um par de Focusrite ISA428. E de acordo com ele foi isso, além de muito bate papo obviamente.

Um forte abraço!
Bring me sound and I'll make you music!

0 comentários: