sexta-feira, 25 de junho de 2010

Tremendão, guitarras e Skabout. Parte 1.

Tremendo sonzão!
Esse era pra ser o título, mas seria difícil de entender diretamente sem explicação. Pois bem, quarta-feira, dia de reunião com o Sasandro, absurdamente produtiva por sinal, saímos ambos do encontro com os ânimos renovados, e dia de receber o pessoal da banda Skabout para darmos continuidade ao trabalho do povo. E foi lá pelas 20 horas que eu recebia aqui pelo rancho o André Lobo, o Isaac Waszak e sua excelentíssima senhora. Missão? Guitarras, e por esse motivo vamos voltar no tempo até a tarde do mesmo dia. Eu já havia traçado o plano de antemão, já tinha uma boa idéia do que o pessoal gostava e já sabia o que não gostavam, então eu já tinha uma boa idéia do que buscar para a sonoridade das trilhas de guitarra para o disco. Seria delicado. Fui para dentro da sala Chimango e fiquei procurando por um posicionamento dentro da sala com a sonoridade que eu tinha em mente. Levei um tempo... Subia em cadeira, descia de cadeira, virava pra cá, ia pro canto de lá, movia biombo pra acolá, etc, e nada... Fui para a sala Maragato... Mesma coisa, até que achei o ponto. Posicionei o caixa e ajustei então a densidade e "equalização" da sala com os biombos até poder dizer "pronto"! Optei pela caixa Serrano Amps 2x12" desta vez. Peguei 3 microfones, meu Shure SM57 sem transformador, enviando o sinal ao Avalon VT737sp, o Cascade Gomez, enviando ao Universal Audio LA610, e o Shure KSM44 enviando ao Neve Amek Purepath CIB. Eu sabia de antemão que para esta primeira sessão usaríamos basicamente 2 amplificadores, o Serrano Amps Classman 25 EL34 Custom Head e o "vovô" Giannini True Reverber do Isaac, amplificador datado de 1968 que ele têm e cuida com todo carinho e que têm um puta som! Então, assim que o pessoal chegou, apavorados de fome hehe, pedimos o tradicional Frank e passamos à timbragem básica dos amplificadores dentro da sala, enquanto fazíamos, procurei um ponto onde o som estava bem legal e posicionei o meu room mic ali, nesta caso o Shure KSM44. Estava pronta a cadeia. De volta à sala Farrapos, bate-papo, revisões e hora de trabalhar! Na sessão, foi usado basicamente a Tagima vintage do Isaac, além de um Fulltone Fulldrive 2 Mosfet e do rack de efeitos T.C. Electronics M-One. E daí era hora de sentar a palheta para lá por 1 da matina, darmos como encerrada a sessão com a missão cumprida. =)

Forte abraço!
Bring me sound and I'll make you music!

0 comentários: