domingo, 21 de junho de 2009

A Cura. Violas e vozes.

Aee!
Atrasado nas postagens mas com uma boa desculpa... Blame the gripe!!! Sim, estive de cama nos últimos dias e não pude sequer trabalhar direito =/

Mas vamos ao que interessa, na última quinta-feira, graças ao meu amigo Sasandro e ao seu amigo Vando Lipert (The Travellers), desde já sou muito grato à ambos, "dei de mão" num belíssimo violão Yamaha para registro das últimas partes "com cordas" para o álbum da A Cura. Jonas (vulgo Toddy) estava com as partes devidamente afiadas o que agilizou bastante a sessão. Após ouvir o instrumento e a pegada do Jonas em ambas as salas, acabei optando pela Maragato e também em trazer uma sonoridade um tanto quanto pronta, mas não pense que isso resultou em "muito processamento" porque foi muito pelo contrário. Optei pelo detalhismo de altas de um condenser de diafragma reduzido e fiquei com o Shure KSM109 para a tarefa (mandando para o Avalon VT737sp). Munido de um fone fiz o Mauricio Maciel passear com o microfone próximo aos posicionamentos mais tradicionais enquanto buscava o timbre correto. Após achar o posicionamento onde a sonoridade do instrumento e ambiência estavam do "tamanho" que eu queria, lapidei a textura com uma leve, porém sempre presente, compressão e uns 3db de ganho em 32 KHz. Depois, foi só recandplay!

E no sábado então, foi a vez de dar início ao registro das vozes para o disco e dessa vez sim, recebi novamente toda a turma. Nessa primeira sessão perdemos algum tempo acertando todos os detalhes para captar corretamente a voz do Jonas. Optei pelo uso de 2 cápsulas, e, acredito que em algumas músicas usaremos uma, e em outras a outra. Os microfones escolhidos foram Manley Reference Cardioid e o Rode K2, ambos mandando respectivamente para o Avalon VT737sp e Universal Audio LA-610, sim, dei folga ao AMEK pois eu queria mais harmônicos. A sala, foi a Maragato também, inicialmente eu um posicionamento que gosto bastante, porém, após alguns takes, acabei por alterar a configuração da sala para daí sim poder dizer, "Pronto, agora vamos gravar". Ao finalizarmos esta primeira sessão das vozes já tínhamos 30% do material registrado.

Foi então a vez de receber o pessoal da banda Pondera mais uma vez e começarmos a preparar o terreno para a continuidade do projeto, porém esta é uma notícia não fotada, logo, aguardem mais notícias muy breve!

Forte abraço!
Bring me medicine 'cause I HATE BEING SICK!!!! =P

P.S.: Vou deixar o post de domingo para amanhã para mais fácil organização e para não entupir este post.









2 comentários:

Sasandro disse...

E ai matHeus não morreu ainda, se cuida em meu, ficou legal as fotos vou mostrar para o Vando.

Mateus Borges disse...

Bah tu vai te babar no sonzinho de viola que fizemos =)